BIKELOKO

11 dicas para arrasar nos percursos de bike!

Muita gente ama pedalar. Faz muito bem à saúde, melhora a autoestima, rende lindas fotos para as redes sociais e você pode fazer passeios simples ou fazer percursos mais extensos.

As bikes fazem parte da vida da população há tempos. Há quem use apenas como meio de transporte para trabalhar, outras para se divertir, como lazer e há quem use como esporte. Mas seja para um passeio simples no parque ou para um percurso envolvendo estrada de chão e morros, você precisa de alguns cuidados.

É um esporte incrível, mas, como todos os esportes, tanto se for para levar a sério, quanto se for para pedalar somente aos fins de semana, precisa de cuidados. Mesmo sendo só às vezes, você precisa tomar alguns cuidados. E há quem use a bicicleta para curtir percursos diferenciados. Se você gosta dessa parte, esse artigo vai te dar dicas importantes. E assim, você consegue aproveitar mais da sua bike e dos momentos com ela.

Pedalar além de ser saudável, ajuda a emagrecer e aumenta a autoestima. Se você está começando agora, pedale no primeiro dia uns vinte minutos e no outro, uns quarenta minutos. E assim, vá aumentando a quantidade até aguentar bem mais tempo. Os percursos em linha reta, no asfalto, são melhores para quem está começando. Há quem faça de cara já uma hora no primeiro dia e depois não consegue nem pedalar mais.

ciclistas na viaÉ claro que você vai ficar mal. É como começar na academia: as pessoas fazem apenas alguns minutos no primeiro dia, fazem apenas bike e caminhada; depois, no segundo dia, aumenta os minutos nos mesmos exercícios e aparelhos, até o corpo e a mente se acostumarem. Só lá pela segunda semana que a pessoa gasta mais tempo nos aparelhos e começa com os pesos e musculação. Isso é para o corpo ir se adaptando a cada nova atividade. Gradualmente e de forma saudável. Se a pessoa for para a academia e já no primeiro dia se exercitar por três horas, as chances do corpo ficar ruim são grandes. Terá muitas dores musculares e mal-estar. Não é recomendado fazer dessa forma.

E a bike, tem as mesmas regras. Não é só sentar e sair pedalando. Precisa de cuidados com a roupa, com o calçado, com a bike, no que diz respeito ao banco, altura dele, verificar se os pedais estão em bom estado e muito mais.

Existem vários tipos de percursos. Algumas delas são:

  • Distâncias curtas;
  • Distâncias longas;
  • Trilhas;
  • Em zona urbana;
  • Em zona rural;
  • Subidas/descidas;
  • Trajetos em linha reta.

A primeira coisa a pensar é na roupa. A roupa debaixo inclusive – há quem nem use. Fica a seu critério, caso for usar, prefira as que não te apertam e as sem costura, que são as mais confortáveis.

ciclista inicianteAfinal, se vai pedalar, não vale usar jeans ou roupa muito folgada que, com o vento, te atrapalhe. A sua circulação precisa funcionar corretamente para que seja algo saudável para você. Imagine você pedalar por duas horas com roupa inadequada, poderá se machucar, ficar com assaduras, sentir falta de ar ou até dormência no corpo ou nos pés. Nesse texto vamos esclarecer tudo isso. Preparamos diversas dicas para não ter erro.

Ao escolher a bike como esporte (se seguir essas dicas, você vai arrasar) deve ter cuidados essenciais para que sua modalidade, seja trilha pesada ou asfalto reto, dê tudo certo.

Use roupas adequadas e protetor solar; tenha a sua garrafinha de água na bike; local para colocar o celular, pertences como as chaves de casa, documentos e o que mais for indispensável.

As 11 dicas para arrasar nos percursos de bike:

01 – Use roupas adequadas para o percurso

ciclista na lagoaSe usar roupas tidas como normais, você poderá ficar desconfortável, podem te incomodar e até machucar. Não vale a pena mesmo. As roupas intimas também merecem atenção! Selecione com carinho e cuidado os tecidos e dê atenção especial às costuras e aos acabamentos.

Para pedalar somente aos fins de semana, é só não usar jeans ou algo muito folgado. Caso você pedale com mais frequência, é bom dar uma atenção especial a roupas específicas para o esporte.

02 – Nunca se esqueça de usar o protetor solar

use protetor solar

Imagine as partes do corpo onde não são protegidas pelas roupas queimadas pelo sol. Não vai ficar legal não é mesmo? Sem falar que queimaduras provocadas pelo sol podem arder, descascar e até agravar doenças. Melhor não correr esse risco e se proteger.

03 – Use as marchas da sua bike corretamente

troca de marchasHá quem pense que só a marcha lenta é melhor; há quem julgue que só a marcha pesada é a melhor. Cada momento do percurso exige uma marcha. Com a leve você poderá pedalar mais, com a pesada você pedala menos. Assim como automóveis, como carros e motos, em cada momento do percurso, a bike exige a marcha correta. Se você usar a errada, acaba gastando mais energia e tornando a bike menos eficiente. A forma com que ela responde ao seu comando depende das marchas.

Troque as marchas com frequência, sempre que sentir que a bike está pedindo isso. Não caia na ilusão de achar que só a marcha leve é melhor. Lembre-se de como é o funcionamento do carro e da moto. Precisa alternar as marchas. A diferença é que o carro e a moto são mais regrados e a bike é só trocar as marchas e não deixar sempre na mesma.

04 – Não se levante tanto. Fique o mais sentado possível

ciclistaDependendo do percurso, você se levanta. Pode também ficar sentado e ir mudando as posições. Na maior parte do tempo, permaneça sentado. É legal pedalar em pé e em alguns pontos até ajuda. Até porque, a bike, quem conduz somos nós. Então, temos que ir adequando o corpo conforme o percurso pede. Manter-se sentado na maioria do tempo e em pé às vezes é o ideal.

05 – Tenha onde guardar objetos e a garrafinha de água na bike

ciclista no JapãoÉ melhor ter onde colocar esses objetos na bike para evitar que isso esteja por exemplo, em suas costas. Mesmo que seja objetos leves, não leve nada nas costas. Isso pode te atrapalhar no percurso ou com o tempo acabar pesando em seu corpo, além de poder prejudicar o desempenho de suas performances.

06 – Regule corretamente a altura do banco

A posição correta evita lesões no joelho, dores na coluna e postura incorreta. A posição correta você calcula com o cotovelo. Coloca ele esticado na ponta do banco. Os seus dedos devem estar na outra ponta do guidão e ainda sobrar três dedos de distância.

É falsa a ideia de que estar deitado sobre a bike, é melhor. Isso força a sua coluna, os seus pés e os seus joelhos. Fica lindo na foto, mas não conserve essa postura. A postura correta não é essa.

Para pedalar legal e não cansar seu corpo causando lesões, você deve pedalar sentado mesmo. Pouco inclinado para frente. E assim, utilizar a bike de acordo com a ergonomia do seu corpo.

07 – Vale beber isotônico durante as pedaladas

IsotônicoReceita de isotônico caseiro: 2 laranjas, 1 limão, 1 colher rasa de sal, 2 colheres de mel e 100 ml de água. Mistura tudo no liquidificador e coloca na garrafinha. Pode ser bebido em até quatro horas depois de preparado.

Também pode tomar isotônicos prontos. Você encontra facilmente em conveniências, lanchonetes, supermercados, etc. Suco de fruta também é uma boa, como por exemplo, de laranja, limão, melancia, que repõe as calorias e tem muita água. Para quem gosta, água de coco também é uma boa pedida.

08 – Atenção à dormência

Dormência em alguma parte do corpo ao pedalar é sinal de que a sua circulação não está correta. Isso pode ser por causa de má postura ou calçado inadequado.

Não insista em pedalar se sentir dormência. Pare, desça da bike, estique a perna e tire o tênis. Mesmo se for um “simples mal-estar”, pare tudo e respire. Caso esteja muito diferente do normal, procure ajuda médica.

09 – Hidrate-se sempre!

Ciclista HidratandoEnquanto você pedala, você perde calorias. O suor é excessivo, dependendo do percurso que escolher. Então, hidrate-se sempre para não ter algum imprevisto durante o percurso escolhido.

10 – Boa alimentação antes de pedalar

Ciclista se alimentandoSe você comer algo pesado, como por exemplo, um churrasco no almoço e depois pedalar, é bem provável que se sinta mal e pesado. Antes da atividade, opte por alimentos com fibras, queijo branco, pão integral, vitaminas com leite integral, etc. Alimentos que te deem energia, mas que não sejam calóricos. Essa é a melhor escolha para você!

11 – Não exija mais do seu corpo que o seu limite

E como saber qual o seu limite? Quando você se sentir mal, sentir tontura ou muito cansaço, suar frio, sentir falta de ar, esse é o seu limite. Veja se isso foi devido à temperatura, alimentação ou qualquer que seja a origem.

Cuide sempre de você ou vai acabar dando trabalho a quem estiver por perto.

E se você gostou deste artigo, continue acompanhando nossas dicas no www.bikeloko.com.br/dicas.

Bom percurso!

2 comentários sobre “11 dicas para arrasar nos percursos de bike!

  1. Marcos Roberto Padilha

    Ótimas dicas, não só para iniciantes pois muitos ciclistas cultivam vícios por falta de informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *