BIKELOKO

Sapatilha Para Ciclismo – Usar ou Não Usar?

Dificilmente a maioria dos ciclistas ao iniciar suas pedaladas utilizam os itens ideais para esse início. Alguns deixam de lado o capacete, outros não fazem uso de roupas adequadas para esse fim.

Entretanto é notório que as sapatilhas para bike é um dos itens que mais é deixado de lado pelos ciclistas que estão iniciando nesse meio, pois estes acabam substituindo as sapatilhas por tênis de corrida ou então de caminhada por exemplo.

Agora com certeza alguém já deve ter lhe sugerido o uso da sapatilha ou então o chamado pedal “clip” e se você é ciclista esportivo essa indicação é ainda mais intensificada.

Dessa forma, ao ser questionado(a) por isso você deve ter se perguntado: mas será que preciso mesmo disso? Quais vantagens a sapatilha trará para minha pedalada?

sapatilha ciclismoEntão, foi pensando nessas questões que trouxemos para você algumas informações desse item que pode fazer toda diferença em relação ao seu rendimento no que diz respeito ao ciclismo.

Antes de iniciarmos de fato sobre a importância das sapatilhas para o ciclismo é preciso falar um pouco sobre a história do pedal em si, para que você possa compreender de onde surgiu a necessidade do uso das sapatilhas para os adeptos do ciclismo.

 

Quando Tudo Começou…

 

As sapatilhas começaram a ser inseridas no ciclismo a partir do momento em que novos e diferentes modelos de pedal de bicicletas começaram a ser desenvolvidos no mercado.

O pedal de encaixe surgiu a partir dos anos de 1980, mais precisamente no final do respectivo ano, e com o passar do tempo as vantagens dessa peça tem se tornado obvias fazendo assim com que ela se fizesse presente de modo fundamental nas competições, onde posteriormente foi se difundindo para o ciclismo em geral.

Com isso, a utilização de sapatilhas se tornou algo necessário para que houvesse um melhor encaixe do pé do ciclista ao pedal e também através desse sistema pedal-sapatilha fosse possível aumentar gradativamente o desempenho do mesmo em suas pedaladas.

Atualmente existem uma variedade de sapatilhas que podem ser escolhidas de acordo com a preferência e necessidade do ciclista.

 

Vantagens e Desvantagens da Sapatilha para Ciclismo

VANTAGENS:

– Segurança

 

Com a utilização da sapatilha seu pé fica impossibilitado de se soltar de forma acidental do pedal, o que geralmente acontecia com modelos tradicionais de pedal, no caso o pedal de plataforma e os pedais de firma pé sem alça.

No caso de queda ou algum acidente especifico as sapatilhas se soltam facilmente dos pedais, até mesmo para evitar com que o ciclista fique atrelado à bike e possa vir a sofrer alguma lesão grave, por exemplo.

– Conforto

 

A sapatilha de encaixe promove desde que regulado corretamente um posicionamento adequado dos pés e reduz o grau de rotatividade o que de certo modo acaba evitando lesões no joelho e dores articulares.

– Estabilidade

 

Ao utilizar a sapatilha o ciclista tem a sensação de maior firmeza e estabilidade nas pedaladas tendo em vista que o taco da sapatilha fica preso ao pedal evitando que os pés se desloquem da maneira errada o que diminui o desperdício de força por parte do ciclista.

– Rendimento

 

Quando há a combinação dos três elementos citados anteriormente e associado a isso se tem a capacidade de desenvolver potência em pontos distintos da pedalada, com certeza o ciclista terá um ganho considerável em seu rendimento. Esse inclusive é a razão pela qual todos os ciclistas que competem fazem uso das sapatilhas.

DESVANTAGENS:

 

– Adaptação

 

Ainda que alguém desista da sapatilha depois de começar a utilizá-la e provar dos seus benefícios, existem alguns ciclistas urbanos que sentiriam dificuldades em se adaptar a este item durante a sua pedalada.

Um fator que favorece essa falta de adaptação é o fato de ficar clipando e desclipando a sapatilha toda vez que for parar no sinal, por exemplo, mas isso com certeza pode se tornar algo natural com o tempo, basta que para isso você tenha paciência e entenda a importância que a sapatilha tem para a sua vida de ciclista.

Esse incômodo e falta de adaptação pode se tornar ainda mais evidente quando você adquire modelos esportivos de sapatilha e isso se deve a três fatores principais:

  • Ao solado que geralmente é bastante rígido e que pode impedir o pé de dobrar enquanto você caminha podendo inclusive causar dores se a caminhada for prolongada.
  • O tanquinho que costuma ser ressaltado para fora da sola o que pode causar escorregões e deslizes em pisos lisos sendo portanto um fator de risco para sua saúde física.
  • A estética, pois sapatilhas esportivas geralmente apresentam um aspecto mais diferenciado não parecendo muito com os calçados convencionais.

Sapatilha ciclismoUma dica importante e que deve ser levada em consideração é que, para que todos esses detalhes funcionem de fato, é necessário que seja feita uma regulagem correta da sapatilha por um profissional de Bike Fit, para que possíveis lesões e dores no corpo decorrentes do uso incorreto do equipamento sejam evitados.

Existem hoje em dia no mercado diversos modelos de sapatilha que servem para ser utilizadas nas mais variadas modalidades, mas que devem ser escolhidas de acordo com a preferência e necessidade de cada ciclista.

Iremos citar agora alguns desses modelos para que você tenha a sua disposição as informações principais de que necessita na hora de ir comprar a sua sapatilha.

 

Modelos de Sapatilhas para Ciclismo

 

– Sapatilhas Shimano Para Ciclismo Urbano

sapatilha ciclismo urbanoPara quem pedala nas vias urbanas ou pratica o cicloturismo, as sapatilhas ideais são aquelas que apresentam maior flexibilidade e comodidade, uma vez que elas podem também serem usadas para fazer caminhadas, o que acaba se tornando necessário em algumas situações.

O material no qual a sapatilha é confeccionada pode ser de couro ou então sintética. Algumas apresentam na sua base cravos, travas ou então pode ser também lisa, isso vai depender da sua especialidade.

 

– Sapatilhas Para Ciclismo de Estrada

 

Esse tipo de sapatilha apresenta características especificas, onde sua base é lisa e mais rígida em relação as demais existentes no mercado. Com ela o ciclista tem a possibilidade de imprimir toda sua força na base do pé o que favorece nos momentos de Sprint.

 

– Sapatilha Para Montain Bike (MTB)

 

No caso do MTB as sapatilhas devem ter como características principais a comodidade e a presença de travas para auxiliar na fixação do pé.

 

– Sapatilhas de Triathlon

 

Modelo sapatilha de triathlonEssas sapatilhas são semelhantes às da modalidade estrada, entretanto elas possuem um velcro na parte de dentro da sapatilha o que possibilita com que o pé fique mais solto, ou seja, mais folgado.

Sua utilização também pode ser feita em outras modalidades exceto na MTB, pois essa modalidade envolve terrenos nos quais o uso desse tipo de sapatilha só iria prejudicar no desempenho do ciclista.

Elas podem ser produzidas com material de couro e também sintético, onde normalmente os de material sintético retêm maior calor aumentando assim a temperatura dos pés.

Além desses modelos, existem também muitos outros no mercado e por isso na hora em que for comprar sua sapatilha, você deve fazer uma pesquisa cuidadosa para que dessa forma não erre ao escolher a sua.

No início o processo de adaptação é complicado, mas no final você acaba conseguindo se acostumar ao uso da sapatilha.

Um fator importante e que muitas pessoas as vezes deixam passar é com relação ao ajuste que a sapatilha deve ter sobre a bicicleta. Esse ajuste é de suma importância, no entanto muitas vezes os ciclistas não o fazem do modo correto.

 

Como é Feito o Ajuste das Sapatilhas de Ciclismo?

 

O sistema de clipagem é formado pela composição sapatilha-pedal, onde na sola da sapatilha existem um tanquinho de metal que deve ser encaixado no pedal.

Ao usar a sapatilha é preciso apenas que você pise com o tanquinho na parte de encaixe do pedal para que dessa forma ele trave com um leve clique.

Também existe no pedal, uma regulagem que controla o esforço necessário para clipar e desclipar a sapatilha o que faz com que o ciclista tenha maior controle dessa parte e com isso evite algumas quedas bobas que nessa etapa geralmente acontece.

Agora você precisa ter cuidado, pois caso deixe essa regulagem meio solta o seu pé pode vir a soltar enquanto estiver pedalando. O ideal é deixar solto no início e ir apertando aos poucos na medida em que você vai sentindo maior confiança.

É necessário que o tanquinho seja afixado na sapatilha em posição correta para que dessa forma a sua pisada transpasse mais energia por meio do ponto exato evitando lesões e dores e também potencializando o efeito do conjunto.

Enfim, seja qual for a modalidade que você esteja praticando, para que você não erre na hora de adquirir a sua sapatilha é preciso que você experimente e teste, para analisar e ver qual melhor se adequa ao seu estilo de pedalada. Apesar disso, o importante é que você tenha em mente a importância em se estar usando as sapatilhas, dos benefícios que ela pode trazer para o ciclista e apesar do grau de dificuldade que se tem no início da sua utilização, com certeza o esforço vale a pena quando o assunto é conforto e segurança.

E aí, este artigo ajudou você? Então nos ajude a ajudar outras pessoas. Curta e Compartilhe o artigo e nosso Blog.

Leia Também:

3 comentários sobre “Sapatilha Para Ciclismo – Usar ou Não Usar?

  1. Antônio Pinho

    Muito bom o comentário. Estou iniciando na montan bike e iniciando também o uso das sapatilhas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *