BIKELOKO

A História do Ciclismo Suas Regras e Curiosidades

O ciclismo como todos já sabem é um esporte feito com bicicletas e que também em quase todas as vezes tem como objetivo principal percorrer um certo percurso no menor período de tempo possível que for possível, com isso o mais rápido a completá-lo será o que vence a prova.

Hoje em dia o ciclismo também é muito recreativo ou até uma maneira de se deslocar para sua escola, trabalho e etc. E isso tudo devido aos avanços que foram constantes no universo das bicicletas e também a sua grande popularidade.

A História do Ciclismo

Toda a história do ciclismo começa no final do século XIX, e isso mais ou menos a partir do ano de 1890. Isso se deve ao fato de as bicicletas começarem a sempre se desenvolver bem mais rapidamente nessa época em uma tentativa de melhorar esse tipo de transporte.

Com todos esses avanços, já começou a ser possível conseguir alcançar as maiores velocidades com as bicicletas, também por serem cada vez mais leves e muito menos dispendiosas. O esporte com as bicicletas teve sua origem Inglesa, mas desde bem cedo as provas principais foram aparecendo mais na França, a qual usou muito bem toda esta modalidade e os participantes podiam aproveitar o terreno mais montanhoso para poderem se desafiar.

Os Tipos de Ciclismo

Com o passar do tempo foi aparecendo cada vez mais tipos deste esporte, nas quais também foram mudando algumas das caraterísticas das bicicletas para que as mesmas se adaptassem bem melhor a certa atividade, os principais tipos de ciclismo são exatamente as seguintes:

ciclista de estradaO Ciclismo de Estrada: Esse é o mais antigo deles e foi onde começou a aparecer o ciclismo. Vamos mais falar desse tipo de ciclismo nesse artigo e também as suas caraterísticas. As provas são feitas na estrada, com bicicletas bem leves e muito aerodinâmicas, para que todos os ciclistas possam chegar a velocidades superiores e conseguirem chegar a distâncias maiores.

Quando o assunto é ciclismo, a maioria das pessoas ligam a essa variante, mais sendo que a sua popularidade é muito grande, e tendo como um dos seus pontos mais fortes todos os anos a prova Tour de França, que já é considerada a prova mais importante de todos os circuitos Mundiais.

mountain bikeMountain Bike: Este é bem mais recente e dentro do mesmo existem várias pequenas variantes, das quais variam todo o terreno do seu percurso, as caraterísticas das bicicletas e requerem diferentes métodos e capacidades.

Essa variante não tem só como característica não ser uma prova somente para estrada, podendo ser feita em todo qualquer tipo de terrenos, como por exemplo em pinhais ou até mesmo em ruas com calçadas e escadas, e também tem como a sua caraterística na maioria dos tipos pode ser feita ao descer ou a subir. Alguns dos tipos dessa variante são exatamente:

  • Downhill;
  • Freeride 4X;
  • Cross-country;
  • Trip Trail;
  • Enduro de Regularidade;

O Ciclismo de Estrada: Este é o que é bem menos conhecido de todo os três, é realizado em uma pista circular, quase sempre dentro de um pavilhão, o qual tem várias variantes mas o principal objetivo é completar toda a prova no menor tempo que for possível. Vamos abordar mais sobre algumas variantes abaixo, confira!

As Provas de Ciclismo

Bom, no ciclismo de estrada, as provas podem também variar bastante entre elas e isso até na mesma prova, caso ela possua várias etapas. Então vamos conferir quais são os tipos de provas que existem.

As Provas de Um Dia: Esta é somente composta por uma única etapa, sendo que pode dar tudo de si para chegar o mais rápido possível e assim conseguir vencer a prova. Geralmente não são muito importantes e várias delas são mais com um fim mais recreativo ou mesmo representam algo, como por exemplo uma homenagem a algum antigo ciclista.

A Prova Por Etapas: Estas são as que são mais comuns, com a prova tendo diversas etapas (ou mesmo corridas) e o objetivo dela é finalizar com o menor tempo que for possível mas somando os tempos das etapas. Algo bastante importante nesses tipo de competições é todo um trabalho em equipe (mesmo o ciclismo sendo individual) e saber analisas bem em quais das etapas apostar mais ou menos.

ciclismo olimpicoContra Relógio: Já nesse tipo de corrida, em vez de saírem todos no mesmo tempo e quem chegar em primeiro vence, aqui os ciclistas sempre sem individualmente e somente querem chegar mais rápido que for possível à sua meta. Há ciclistas que são ótimos neste modo de corrida. Essas corridas podem ser somente de um dia ou mesmo uma etapa de uma certa prova, sendo elas são bem mais curtas do que uma corrida normal, que varia em média de 20 a 60km de distância.

As Maratonas: Bom, as maratonas são as provas que vários dos ciclistas comuns geralmente não fazem, sendo que a maioria das pessoas que conseguem as fazer são somente os ciclistas que conseguem fazer grandes distâncias.

Os Equipamentos de Ciclismo

O principal elemento para se praticar o ciclismo é a bicicleta e isso é bem claro. Mas como essa é uma atividade física que pode ser realizada em um terreno mais acidentado e em condições um mais complicadas para o corpo humano, é aconselhado também o uso de certos equipamentos de proteção. Vamos ver então todos os equipamentos para se fazer a prática do ciclismo, mais precisamente o de estrada:

A Bicicleta: Precisam ser feitas com um design bem aerodinâmico e com materiais bem leves e também ao mesmo tempo serem bem resistentes. Se você reparar, as bicicletas para estrada são as únicas que possuem pneus bem finos, tudo isto em uma tentativa para alcançar velocidades maiores ao pedalar com ela.

ciclistas de montanhaAs Luvas de Proteção: Elas servem para fazer uma proteção para as suas mãos em caso de possíveis queda mas também para poder melhorar toda a aderência da palma da sua mão com o guidão da bicicleta.

O Capacete: Esse não podia ser esquecido, nunca pode faltar o uso capacete. Este é verdadeiramente utilizado para proteger a sua cabeça no caso de possíveis quedas, sendo ele é bastante importante e não usar o capacete pode representar um enorme risco para a sua vida, por que ele pode evitar pode evitar o choque da sua cabeça com o solo em possíveis quedas.

A Roupa: Toda a roupa dos ciclistas também são bem diferentes do normal. O que tem para se destacar nelas é que se adaptam muito bem ao seu corpo, diminuindo com isso qualquer resistência ao vento que é desnecessária e também são confeccionadas com um material que gere a sua temperatura corporal e pode proteger de grandes exposições ao Sol.

As Equipes e as Especialidades

A regra geral, apesar de que o ciclismo é um esporte individual, nem todos os modelos têm como principal objetivo vencer. Pode até parecer um tanto confuso, mas geralmente toda a equipe corre para auxiliar o seu líder de equipe a conseguir ganhar a prova, auxiliando-o de diversas maneiras, e as mais comuns é guardar o seu líder de vento gerado e controlar os ataques da concorrência e com isso poupar as suas energias. Isso também é devido ao fato de os ciclistas terem capacidades e especialidades diferentes. Vamos então ver algumas delas:

O Sprinter: É o ciclista que tem uma enorme força de explosão e pode alcançar uma velocidade bem alta em uma curta distância, geralmente a equipe trabalha para que ele consiga vencer a etapa se ela for favorável a ele. Não é de modo obrigatório (mais muitas vezes não é) o líder da equipe, já que a grande maioria das provas são feitas por etapas e o que conta é toda a soma do tempo realizado em todas essas etapas.

O Escalador: Esses geralmente são os ciclistas mais leves e com uma excelente capacidade física, sendo os mesmos muito resistentes. A especialidade deles é subir as montanhas, servindo várias vezes como um certo escudo para seu líder na montanha ou mesmo tentar ganhar essa etapa se ela terminar na montanha.

Contra Relogista: Como já falamos acima, existem esportistas que são especializados nessa categoria.

As Regras e Cuidados no Ciclismo

corrida ciclisticaEsses cuidados e regras são mais aplicados para os participantes de corridas mas algumas servem para o ciclismo recreativo também. Em uma corrida, os ciclistas têm lugares mais específicos para que possam tomar água mas também podem fazer isso em movimento, se deslocando até o carro de apoio da sua equipe.

Geralmente um ciclista pega e traz para o restante dos companheiros que estão junto com ele, mais a partir de um certo ponto não pode mais ir se reabastecer. No fim da corrida, quando é a hora do sprint, o ciclista nunca pode fazer uma mudança de direção brusca no sentido e atrapalhar o caminho do adversário perto, podendo com isso ser desclassificado.

É sempre importante ter muita atenção no percurso, conhecer ele também é recomendado, para com isso evitar as possíveis quedas em lugares mais perigosos e não gerar também a queda de vários ciclistas. Usar sempre os equipamentos para proteção, quer seja em uma competição ou mesmo no ciclismo recreativo.

Se você gostou deste artigo, acompanhe mais no www.bikeloko.com.br/dicas.

Leia Também:

Um comentário sobre “A História do Ciclismo Suas Regras e Curiosidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *